Google lança oficialmente novo relatório de velocidade do Search Console

11-2019 | SEO

Ontem, o Google lançou oficialmente o relatório de velocidade ​​no Search Console. Faz alguns meses que o Google anunciou o seu Relatório de Velocidade de Página (experimental) do console de pesquisa no Google I/O. Muito poucos tiveram acesso a ele quando foi anunciado pela primeira vez, já que era necessário se inscrever em um formulário para se qualificar e experimentá-lo.

Mas desde o seu lançamento ontem, mais webmasters agora têm acesso esse relatório disponível em seus Search Console. Aqui está o que você precisa saber sobre este importante relatório:

Relatório de Velocidade (experimental)

Atualização do relatório de velocidade do google search console

Localizado na guia “Melhorias” do Search Console, o relatório de velocidade mostra automaticamente uma visão geral do relatório de velocidade de seus sites, dividido em páginas para dispositivos móveis e computadores, que são detalhadas no número de URLs lentos, moderados e rápidos dos dispositivos móveis e computadores.

Quando você se aprofunda no relatório do tipo de dispositivo específico, ele destaca os problemas que alguns de seus URLs possuem – como o relatório de cobertura.

Detalhes de cobertura no relatorio do google search console para computador

Até agora, estou vendo apenas dois tipos de problemas. Problemas de FCP e FID. Aqui está o que eles significam de acordo com o Google:

O siginificado dos problemas FCP e FID segundo o Google

FCP (First Contentful Paint): Ele mede o tempo entre a requisição do navegador do visitante até o momento em que o primeiro elemento visivel da página é efetivamente exibido.

PID (First Input Delay): Ele mede o tempo de interação, ou seja, o tempo entre a ação do usuário (um clique por exemplo) e a resposta dada pelo navegador a essa ação.

O PageSpeed ​​Insights do Google é amplamente divulgado no Speed ​​Report, uma vez que é uma das melhores ferramentas de verificação e diagnóstico de velocidade de sites na Web. Eu recomendo que você o use também, pois ajuda minha equipe a identificar alguns dos problemas que nossas páginas têm possibilitando aplicarmos as alterações apropriadas para melhorar nossa pontuação geral de velocidade de página.

Outra coisa que você deve observar é a maneira como eles categorizam os URLs.

Tela do Search Console com Categorização de Velocidade em Lento, Moderado e Rápido

Como mencionado, ele é dividido em três partes: lento, moderado e rápido. Eles não criaram essa métrica aleatoriamente. O Google declarou que os dados são baseados no Relatório de Experiência do Usuário do Chrome, que fornece métricas para os webmasters sobre como os usuários do Chrome interagem com os sites disponíveis na Internet.

Como este relatório pode ser usado para melhorar o SEO

Quando o Speed ​​Report foi anunciado pela primeira vez no Google I/O, publiquei uma postagem no blog detalhando como esse relatório (uma vez lançado) pode ser usado para ajudar a melhorar o SEO . Depois disso, o Google publicou um post que anunciava o lançamento do relatório de velocidade e como os webmasters podem usá-lo para entender melhor seu site. Aqui está o que eles disseram (que são as mesmas suposições que eu tinha feito alguns meses atrás):

O relatório classifica as URLs por velocidade e o problema que causa lentidão. Analisa detalhadamente um problema específico para ver exemplos de URLs lentas e ajudar você a priorizar melhorias de desempenho para elas. Para ter uma idéia melhor de que tipo de otimização pode ser executada para uma URL específica, o relatório é vinculado à ferramenta Page Speed ​​Insight, que fornece informações sobre oportunidades específicas de otimização.

Você deve usar este relatório para monitorar seu desempenho ao longo do tempo e para rastrear as correções feitas no seu site. Se você corrigir um problema, use o relatório para rastrear se os usuários tiveram uma melhoria de desempenho ao navegar na versão corrigida do seu site.

Para ajudar você a entender o desempenho do site, também é possível ver quais tipos de URLs estão melhor, verificando os intervalos moderados e rápidos.

Principal Consideração

Temos que lembrar que este relatório é puramente “experimental”. Os dados, erros e recomendações ainda estão sujeitos a melhorias. No entanto, ao vê-lo agora, ele já me dá uma boa idéia de como trabalhar com meus desenvolvedores para melhorar meu site. As melhorias são principalmente para os mecanismos de pesquisa, mas também se refletem para os meus visitantes. Proporcionar a eles uma experiência muito melhor em nossos sites é importante para nós e deveria ser importante para todos os webmasters ao redor do mundo.

Você também pode gostar desses artigos sobre SEO